Escabeche de Salmão

31 de agosto de 2012 § 14 Comentários

Se depender de eu encostar a barriga no fogão por estes dias para postar alguma coisa, a gente não come é nada nessa cozinha, porque eu tô EN-LOU-QUE-CI-DA com uma produção. Por isso mesmo, queridinhos, que eu aproveito para trazer algumas delícias que deixei na minha antiga cozinha, como o meu bafônico escabeche de salmão. Quem foi que estava choramingando minhas receitas brasileiras, mesmo? =))))))

O salmão é um peixe super versátil, de carne tenra, macia, mas firme, e embora ele geralmente apareça em versões filezinhos com molhinhos incríveis, atesto que ele é PERFEITO para escabeche, e digo mais: da próxima vez vou fazer uma versão moqueca, que tenho certeza que vai ser lindo.

Tempere as postas de salmão como bem lhe convier (sal, pimenta do reino moída na hora e gotas de limão é sempre uma boa opção) e deixe repousar desde cedinho. Empane com farinha de trigo apenas e frite em óleo de sua preferência quando ele estiver BEM quente. Fique atenta ao ponto, que é dourado. Colha as postas com a ajuda de uma escumadeira e deixe escorrer sobre papel toalha.

Numa panela de barro, preferencialmente, pois isto faz muita diferença no ponto de cocção e também no sabor rústico que ela fatalmente oferece, dada a sua natureza de barro – deite azeite de oliva misturado a um pouco de óleo comum (na verdade eu misturei com óleo de gergelim) na panela e junte tomates maduros, porém firmes, pimentões verdes e cebola roxa, tudo em pétalas (ou meia-lua). Ah! Coloquei um pouco de alho em pasta também! Refogue um pouco e comece a juntar caldo de peixe ou legumes (ô comadre, promete que faz um de verdade?); depois um pouco de leite de coco, e também um pouco de molho de tomate (estes dois últimos, além do sabor, contribuirão com uma textura mais encorpada para o molho); juntei pimenta piri-piri espatifada (seca que trouxe de Cabo Verde, envenenada, e semelhante a calabresa – mas o bom mesmo é que fosse malagueta fresca amassadinha na hora de refogar os temperos, que eu não tinha), acerte o sal e deixe refogar mais um pouquinho (sempre em fogo baixo porque a panela de barro é punk). Quando os temperos estiverem cozidos, mas não espatifados, junte um punhado de ervilhas frescas(caracterísitca do escabeche), misture e depois abra espaço no meio da panela para deitar as postas; envolva o tempero e o molho, cubra com coentro picado, deslique o fogo e abafe.

DICA IMPORTANTE: Apesar do fogo desligado a cocção continua porque a panela de barro retem muito calor (por isso elas chegam as mesas borbulhando ainda), portanto, desligue antes do ponto exato de cocção desejada. Neste caso, aqui, como o peixe já foi frito, você deve observar a cocção dos temperos, e pode até mesmo desligar o fogo antes de colocar as postas. Pegou?


Pirãozinho pra quem é de pirãozinho!

Antes de deitar as postas no molho, sabe o que você faz? Colha umas conchas do caldo de peixe e deite em outra panela. Daí, na hora que você abafa o peixe já corre para fazer o pirão, que deve ser servido IMEDIATAMENTE. Com o caldo fervendo na panela, deixe cair uma fina chuvinha de farinha de mandioca da boa (bem pouca, porque rende muito, o pirão), enquanto mexe energicamente para não empelotar. Mas se isso acontecer, não grila, porque o mixer salva (inclusive esse meu aí foi salvo pelo mixer). Acerte o sal e foi.

Perceba a textura perfeita do salmão categoria escabeche, e se joga, que eu garanto que a comadre não se arrependerá!

Faça uma oração antes e depois. =)

***

Publiquei esse pitéu no Rainhas do Lar, meu blog anterior, a 16 de março de 2012, e trago agora, em versão revisada, para a nossa cozinha afetiva, valeu?

§ 14 Respostas para Escabeche de Salmão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Escabeche de Salmão no Pitéu.

Meta

%d blogueiros gostam disto: