Cuzcuz de milho (para a Paula Yuri)

28 de abril de 2011 § 46 Comentários

Quando eu postei uma recente viagem a Aracaju aqui no Pitéu, a minha querida leitora “japa paraguaia” Paula Yuri, pediu para eu ensinar a fazer o cuzcuz de milho que ela viu na foto do café da manhã do hotel.

Este cuzcuz é muitíssimo comum nos cafés da manhã e ceias nordestinas, bem como a sua versão doce, com coco na massa e na calda. Peguei carona no cuzcuz que a mamãe fez no feriado e aproveitei para fazer um dengo na Paulinha.

A coisa é muito simples, mas para o cuzcuz ficar fofinho, a dica veio do meu pai, que foi quem ensinou a minha mãe a fazer cuzcuz: é preciso hidratar os flocos de milho de véspera, ou pelo menos com algumas horas de antecedência, tipo 4, no mínimo.

Numa tigela coloque 250g de flocos de milho (flocão é melhor) e vá hidratando com as mãos com coisa de menos de meio copo americano de água ou o suficiente para que os grãos estejam apenas úmidos, mas não encharcados! Deixe repousar pelo tempo que combinamos. Na hora de finalizar o cuzcuz você vai perceber que os flocos cresceram um pouquinho, mas que vão precisar de mais um pouquinho de hidratação, coisa de mãos molhadas na manipulação apenas, até que os grãos voltem as estar úmidos, mas não encharcados. Junte sal a gosto apenas. Na água do cuzcuzeiro, minha mãe põe algumas sementes de erva-doce, para aromatizar a massa (trucão massa). Agora é colocar a massa de milho na parte superior do cuzcuzeiro delicadamente com atenção para uma dica importantíssima: não pode pressionar/ apertar muito, que é para o vapor d’água penetrar na massa e garantir um cozimento homogêneo e maciez.

Pronto! Leve ao fogo médio e depois que levantar fervura deixe cozinhar por 10 a 15 minutos!

Você pode comer este cuzcuz apenas com manteiga da boa e já será um deleite; há quem coma com carne do sol ou linguiça fritos e acebolados, que fica muito bom também; mas eu gosto mesmo de comer com ovo de quintal frito na manteiga com um pingadinho de leite na mistura… são os ovos ao leite.

§ 46 Respostas para Cuzcuz de milho (para a Paula Yuri)

  • Elaine Maria disse:

    Adorei a receita espero que dê certo, vou tentar fazer. Obrigada por dividir essa preciosidade. Guarulhos sp.

    Curtir

  • Fernanda disse:

    Adorei! Deu certinho meu cuscuz desta vez!

    Curtir

  • Vera disse:

    Tinha muita vontade de provar e trouxe os flocos do Rio, mas infelizmente não o cuscuzeiro. Li as dicas, mas achei melhor fazer na panela a vapor, é uma panela com água embaixo e uma outra panela por cima furadinha. Será que dá?

    Curtir

  • Edilene Fernandes disse:

    Olá bom dia, meu nome é Edilene e moro em Brasília. Aqui todo mundo anda correndo o dia todo, muita coisa pra fazer, pouco tempo pra preparar a comida, etc e tal. Então descobrimos um método bem rápido de fazer o cuzcuz quando vc não tiver muito tempo. Basta umedecer a massa, nesse caso tem que colocar um pouco mais de água, até quase cobrir os flocos de milho, então espere uns 10 minutos, esfarele a massa com um garfo, coloque em um recipiente leve ao microondas e selecione 5 minutos. Pronto, um delicioso cuzcuz, rapidinho e saboroso… Beijos….

    Curtir

  • Ilma disse:

    Ahhhhhhhh, esqueci de outra dica….

    O meu marido faz um cuscus delicioso, Prepara a massa normal com água, sal e 2 colheres de farinha de mandioca e à parte faz um molho com tomate, pimentão, cebola, coentro, um pouco de molho de tomate, e uma lata de atum em conserva. Monte no cuscuzeiro uma camada de massa, uma camada do molho e coloque para cozinhar.
    Outra dica e colocar entre as camadas de massa o queijo coalho, mussarela, queijo manteiga….

    Curtir

  • Ilma disse:

    Queridos amantes do cuscuz,

    Moro em Maceió, e pesquisando no Google para saber onde vende flocos de milho no Estados Unidos, me deparei com esse site e resolvi entrar e dar algumas dicas aprendidas ao longo do tempo.
    É que tenho um filho que mora em Los Angeles e só fala na saudade das comidas, inclusive do cuscuz. Estou mandando semana que vem 5 kg de flocos de milho, mas gostaria de saber onde vende.

    Para que o cuscuz fique ligadinho, usamos 2 colher de sopa de farinha de mandioca, assim ele não esfarela.

    Cuscuz vai bem com carne ou galinha guisadas, banana frita, nescau com açucar, ovo, leite de côco, leite de gado, charque assada, carne-do-sol… Enfim… cucuz combina com o que a nossa imaginação permitir
    .
    Na Paraíba, é costume comer cuscuz pela manhã com feijão.

    Um abraço a todos e bom apetite!

    Curtir

  • Léo disse:

    Eu também gosto muito de cuscuz,e um acompanhamento muito comum aqui no nordeste é a banana frita e caramelizada com açúcar cristal ou mesmo in natura, junto com um ovinho frito,na margarina, vixe, que eu me acabo todinho.

    Curtir

  • Comentários maravilhosos, recheados de dicas divinas.Deus do Céu,qto cuscuz abençoados.Sem falar no de Flocão de Arroz que tbém é tudo de Muito BOM!.

    Curtir

  • Maria disse:

    Me ajudou muitooooo, pois é a primeira vez que estou fazendo.obrigada!

    Curtir

  • Manuela disse:

    Desde já quero felicitá-la por seu blog, muito interessante. Sou apaixonada por cuscuz seja de milho ou de arroz,até faço juntando os 2,fica 1 delicia.Quando visitei o nordeste tive que trazer 1 cuscuzeira debaixo do braço!!!!kkkkk.Bjss

    Curtir

  • Joy_UK disse:

    Tai, meu proximo brinquedinho vai ter q ser uma cuzcuzeira!
    E claro vou ter q garimpar esse flocao de milho ne…
    Aff Maria como pude esquecer desse trem? Eh bom demais!!!
    Brigada pela receitinha, flor!

    Adorei esse negocio de ovos ao leite..que luxo viu?!

    Beijao flocado

    Curtir

  • Pati de Nair disse:

    Oooooooooooooooi Katita-linda!!!
    Eu amo cuzcuz! Amo!
    Esse seu tinha coco na massa?
    Eu também uso flocão e faço de véspera mas deixo dentro da geladeira, tampado e aí não preciso de hidratação extra.
    Não estou com tempo de escrever aqui, mas venho todo dia, lê você é religião pra mim!
    Te adoro muito,
    Beijos,
    Pati

    Curtir

  • Nossa, Katita, essas dicas de cuscuzeira improvisada e as fotos da oficial me deram uma idéia… Deve dar pra fazer naquelas panelas elétricas de arroz japonês se usar o bagulhinho de cozinhar a vapor! Será?

    Curtir

    • Katita disse:

      KAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKA!
      Ai, Marília, “o bagulhinho de cozinhar a vapor” é ótimo!
      Olha, gata, eu arriscaria a panelinha elétrica, viu?
      Gente, eu tô adorando essas estripulias, mas vocês tão ligadas que um cuzcuzeiro é baratérrimo, né?
      =)

      Curtir

  • Anna Giulia disse:

    Eu conheço uma maneira de fazer cuscuz sem a cuscuzeira, é simples: Coleque os flocos umedecidos num prato e cubra com um pano de prato, amarrando sob o prato e emborque o prato na boca de uma panela com um pouco de água, quando a água ferver vai atrevessar o pano e cozinhar os flocos.

    Curtir

  • Rafa Galvão e Galvão disse:

    Marília num fica sem fazer seu cuzcuz não flor. Dá uma olhada nesse link: http://come-se.blogspot.com/2010/02/panela-de-pressao-uso-nao-autorizado.html

    No link a foto mostra a tecnica usando um funil, eu uso a vasilha plastica.

    Faz e conta pra gente. Se não amanhã vou comer cuzcuz pensando em voce kkkkkkkkkkkk

    Beijos, sorte!

    Curtir

  • Katita,
    primeira vez que estou comentando, que emoção! 😀

    Olha, sou paulista, pior ainda, paulistana, hehe, mas moro em Campinas. Tenho algumas receitinhas lá no meu blog mas acho tão difícil sair desse gosto mainstream que me ensinaram a vida toda, sabe? (até porque recentemente a grana estava apertada e alguns temperos estavam dificeis de achar ou comprar por aqui)

    Não sei nem o que é uma cuscuzeira mas sei que não tenho! Dápra fazer sem? Comofaz???

    (Maridão fez uma farofa pra temperar porco outro dia com castanha de caju, hortelã e flocos de milhos, e sobrou bastante flocos, queria ver se fazia esse cuzcuz aí…)

    Curtir

    • Katita disse:

      Marília, gata, chegou chegando!
      Olha só, a Rafa acabou de ensinar aqui embaixo o trucão para quem não tem cuzcuzeiro, se apegue. Mas promete que vai pedir para o Google te mostrar uma fotinha do cuzcuzeiro, promete?
      =)
      Beijim, flor, boa sorte aê!
      K.

      Curtir

  • Rafa Galvão e Galvão disse:

    Comadres lembrei de uma dica ótima pra quem não tem um cuzcuzeiro:

    pega uma vasilha plastica e faz um furo no fundo bem no centro e vários furos na tampa(eu uso daquelas quando compramos alguma coisa a granel, iguais as de margarina mas transparentes, sabe?) Dai é só pegar a panela de pressão tirar o pino da tampa, enfiar(ui!) a vasilha, colocar a massa do cuzcuz, tampar a vasilha, colocar dois copos de água dentro da panela de pressão e tampar: vai ficar assim: imaginem a panela de pressão fechada com a vasilha plastica cheia de cuzcuz pressa no ferrinho do pino. A água vai aquecer e o vapor vai sair pelo furo cozinhando a massa do cuzcuz.

    Katita, vou te mandar uma foto dessa ‘invensão’ que parece uma armadilha, mas é uma mão na roda para quem não tem cuzcuzeiro.

    Bj

    Curtir

  • Kate Luna disse:

    Ai Ai Ai … Q delíciaaaaa de cuscuz, amo mto tudo isso!

    Curtir

  • Calleigh disse:

    Katita,
    Menina do céu! Eu consegui fazer o meu! Vou explicar!
    Eu tinha uma secretária pernambucana que cozinhava muito. Ela fazia esse cuzcuz direto. Comíamos com leite de côco…aff! Bem, qdo ela precisou sair daqui, pedi que me mostrasse o pap. E ela o fez. PORÉM, mesmo olhando ali o pap, eu nunca consegui fazer! Ficava uma “coisa bizarra”! Ontem qdo recebi seu feed, com as fotos e explicação ey resolvi tentar mais uma vez. E deu certo! Ficou fofíssimo, e eu nem esperei as 4 horas, porque isso é demais prá mim….rsss…Acabei de tomar meu café matinal jogada nessa orgia de milho! UAu! Obrigada!
    By the way, adoro seus feeds e vc! Somos sagitarianas…rsss…me identifico muito com o seu jeito. Bjs e bom finde.

    Curtir

  • Janaina disse:

    Cuzcuz de milho é uma delícia! E eu, como uma cearense legitima, adoooro cuzcuz de milho com manteiga de garrafa.
    Mamãe fazia sempre no café da manhã, que lembrança boa!
    Katita, vc fez meu dia melhor hj lendo seu post e lembrando da minha mãesinha queridaa.
    Bjos e bom fim de semana pra ti.

    Curtir

  • Rafa Galvão e Galvão disse:

    Cuzcuz de milho é sagrado todo sábado aqui em casa… com ovos mexidos marido adora! Meu preferido é com leite de coco e um pouco de coco ralado na massa, uma delicia.

    Ah, uma dica: aprendi com minha mãe a colocar um punhado de farinha de mandioca na massa pra dá liga e ficar mais soltinho.

    Curtir

  • Dricka disse:

    Delicia das delicias! Minha mãe é de Pernambuco e cuscuz aqui é comunissimo, a forma que mais gosto é salgado mas com flocos de coco fresco, raspado com a colher e manteiga derretendo por cima no prato. Affe!!! Me acabo! Prefiro mil vezes esses do que o paulista.
    Bjs

    Curtir

  • Fábio disse:

    Taí outra coisa que nunca consegui gostar, não desce mesmo.

    Curtir

  • Raquel Sá disse:

    Ei, o que é água doce? Não consegui identificar pela foto!

    Curtir

  • Raquel Sá disse:

    Afe! Que saudade de cuzcuz da mamãe…com ovo frito ou com mateiga derrretendo por cima! Ainda bem que tô chegando aí pra matar as saudades.
    Beijos.

    Curtir

  • Juli disse:

    adoro!!!

    hum..cuscuz é bom demais!!

    Curtir

  • Paula Yuri disse:

    Katita minha flor,

    Obrigada por se lembrar de mim. Fiquei até emocionada, sabe… Esta semana vou atrás de um cuzcuzeiro para chamar de meu, agora não tenho mais desculpas, quero tomar um café passado na hora com cuzcuz passado na manteiga.

    Minha querida que Deus abençoe vc e toda a sua família!!

    Beijos

    Curtir

  • aamo cuscuz. bem molhadinho, hein.
    da pra botar uma camadas de tiras de banana no meio do cuscuz. ou botar ele na cuscuzeira e enfiar uns pedacinhos aqui e acola de queijo.
    e passa uma manteiga pra derreter e toma com cafe feliz.
    ah que vontade. desse dai nao tem por aqui.

    Curtir

  • Tata disse:

    Ahhhhhhh!!!!!
    Não acredito!!! Vc acredita???
    Tá vindo cheiro de cuscuz da minha cozinha exatamente agora!!! Voltei do trampo do lab louca de vontade de comer um cuscuzinho e a Yoki e seu flocão me salvam aqui em Ribeirão nessas horas de desesperos nordestinos!

    Ah… eu coloco um pouquinho de açúcar na minha massa. E minha mãe me deu um mini-cuscuzeiro que é fofo! Já viu? Ela chama de “peito-de-moça”. Uma graça! E resolve meus surtos de comer cuscuz sem ter que fazer horrores!

    hmmm… delícia com um café com leite!!

    Bjo, shoo-shoo, que vou ali desligar o fogo!

    Curtir

    • Katita disse:

      Tata, shoo-shoo (adorei isso!), eu não sei se o meu é “peito-de-moça” embora eu gostaria, mas é bem pequenininho também, afinal somos apenas eu e Bento geralmente.
      Bom apetite aí, arrasamos na sintonia!
      =)
      Beijim,
      K.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Cuzcuz de milho (para a Paula Yuri) no .

Meta

%d blogueiros gostam disto: