Moqueca de camarão ao cubo

30 de março de 2011 § 32 Comentários

Nas moquecas baianas os vegetais são invariavelmente cortados em rodelas: pimentões, tomates, cebolas. Mas eu acho que no caso da moqueca de camarão, se cortados em cubos o efeito visual é mais bacana, pois mais proporcional. Além disso, tem mais uma coisa que eu amo e deixa a moqueca lindona, que são os pimentões coloridos, especialmente o amarelo, que quase nunca é usado nos restaurantes aqui, provavelmente pelo seu preço exorbitante.

Então, foi essa a pegada da minha moquequinha de camarão de hoje: vegetais em cubos e muito pimentão amarelo.

Camarões cinza viraram filé, foram salpicados com sal, pimenta do reino e gotas de limão.

As cascas e cabeças foram para a panela com água, talos de alho poró, cebola e dois dentes de alho. Ferveram muito e viraram um caldo bem bom, que vai fazer TODA a diferença (ou você acha que as moquecas incríveis que você comeu foram cozidas com água?), e que permaneceu, mesmo depois de pronto, no foguinho baixo ao lado da panela de barro que vai entrar em cena, até o final do processo. Veja bem, amizade, não é necessário salgar o caldo. Sal entra por último no feitio do prato, se necessário. Sal a gente corrije.

Os vegetais precisam de mais tempo de cozimento do que os peixes e camarões que precisam só de um bafo e já estão de boa. Daí que eles vão para o fogo antes. Na panela de barro, cebola (eu só tinha roxa, mas ela fica bem escura depois do cozimento, coisa que não me incomoda, mas se for o seu caso, use a branca), tomates e pimentões coloridos em cubos, e 1/2 pimenta dedo-de-moça picadinha e sem semente, refogados em azeite de oliva.

Uma vez refogadinhos, deite algumas conchas do seu rico caldo quente ali para cozinha-los al dente.

Deite um fio de azeite de dendê, coisa pouca, só para dar uma cor!

Deite dois fios de leite de coco para dar uma encorpada e um tom… leitoso (dã).

A moqueca de camarão está praticamente pronta agora, só falta o camarão, que entra no final só para ser cuidadosamente misturado ao molho e tomar um bafo quente com a panela fechada e fogo muito baixo até ficar rosadinho, mas antes disso, cobre a moqueca com coentro ou salsa fresca. Se quiser mais líquido para fazer um pirãozinho, põe mais caldo (quente, hein?). E finalmente corrija o sal, se necessário.

Leve a panela abafada para a mesa e abra a tampa fumegante na hora de servir. Com arrozinho branco fresco basta!

Né por nada não, mas de moqueca de camarão em cubos eu manjo. Mas só em cubos tá? =P

Esta aqui foi para o meu dindo Antônio (eu chamo ele de dindo, mas ele é que é o meu dindo) que é doido por camarão, e que na despedida na porta já foi logo dizendo que na volta quer outro camarão igualzinho.

Mas ‘tava bom pacas.

§ 32 Respostas para Moqueca de camarão ao cubo

  • Lilly disse:

    Katita,
    Fiz sua receita num jantar para amigos e foi muito elogiada.
    Ja morei em Salvador e não ha o que dizer das receitas de moquecas, pois todas são impecaveis e eu fiquei viciada!
    Se vc tiver um tempinho, agradeceria se vc colocasse mais receitas de moqueca baiana.São as melhores!
    Muito obrigada e sucesso!

    Curtir

  • margô lustosa disse:

    É, Katita, você entende mesmo do traçado! Você acredita que eu nunca descobri como deixar minha moqueca suculenta exatamente porque me recusava a adicionar água? Fico devendo essa, querida!

    Curtir

  • Erica disse:

    ô judiação…
    dendê é o fundamento da existência!
    =D

    Curtir

    • Katita disse:

      Erica, entendi toda a sua relação com o dendê, comadre. Profunda, não?
      Eu já como sabendo que vou ter piriri, mesmo usando uma gota que seja, mas uma moquequinha tem seu lugar, tem não?
      =)

      Curtir

  • Raquel Sá disse:

    Pra quê eu entro aqui antes de almoçar?
    Como é que mastiga bife desejando moqueca de camarão aos cubos?
    Oh meu pai do céu….pra quê entrei aqui agora?

    Curtir

  • Débora disse:

    Risos.. risos…

    Liguei para ele agora para saber onde ele estava sentado, mas ele não lembra e acha que chegou atrasado na aula naquele dia. Bom, ele não é moreno, o cabelo é claro e é bem queimado de sol, por conta do surf.Um dia lhe apresento

    beijos

    Debora

    Curtir

  • Débora disse:

    Meu irmão estava sim naquela palesta da UFBA e briguei porque ele não foi falar com você, pois ele já sabia que eu era sua fã.
    Ele é uma figura, surfista de altas ondas do Pacífico, policial militar de profissão e estudante de gastronomia e o melhor – UM GATO!! risos.
    bjs
    Débora (Mon Macaron)

    Curtir

  • Marisa disse:

    Katita…Brigada pela dica do “photoshock” como diz a minha vó, mas eu ainda estou na era da roda quadrada, um dia eu chego na colagem bem feita!Traduzi os biscoitos, minha amiga, esse é de comer até o olho virar…

    Beijo!!!

    Ps: Essa moqueca ai vai ser parte do menu no findi.

    Curtir

  • ISABEL disse:

    Simplesmente maravilhosa…..

    Curtir

  • Camila Guimaraes disse:

    Você me inspira querida!!! Pense numa brasiliense querendo fazer moqueca igual baiana?! Mas agora, com a dica do caldo, vou acertar!
    Beijocas

    Curtir

  • katita minha flor deu água na boca!!! Adoro Moqueca e a sua além de linda parece estar delicios.

    Essa é daquelas comidinhas que temos que comer rezando ein rsrsrsrs…

    Bjos mil…

    Curtir

  • HUmmmmmmmmmmm! Bom demais, Katita!
    Bjk,
    Lylia

    Curtir

  • LiLy disse:

    Katita Amada,adorei o nome: Moqueca ao cubo!
    Vou adota! 😉
    Aliás eu sempre fiz “moqueca baiana ao cubo” e a minha parentada baiana falava que minhas moquecas estavam mais pra “paulista” do que “baiana” devido ao corte “trabalhoso” dos legumes..rsrs…

    E falando em moquecas, traga para cá a tua receita da Moqueca de Maturi…hummmmmmmmmmm… só de pensar da agua na boca!

    Beijinhos, LiLy.
    PS. O Blog tá um PITÉU!!! ADORO!!! 🙂

    Curtir

    • Katita disse:

      Lily, flor, será por conta da minha falsa baianidade nagô essa moqueca ao cubo? Digo, paulista metendo a colher de pau na moqueca alheia. Mas pensando bem, alheia é o escambau, a moqueca me pertence, eu pertenço à moqueca, EU SOU NEGUINHA! =)
      Na verdade aquilo é uma frigideira de maturi, e ela vem para cá sim. Ainda tenho um quilo da safra aqui no congelador.
      Beijo, boneca!
      K.

      Curtir

  • Karla Maria disse:

    P E R F E I T A!!!
    Passo a passo melhor impossível.
    Bj

    Curtir

  • Débora disse:

    Uma delícia mesmo essa receita!!!
    Meu irmão que estuda gatronomia na UFBA (uma vez vc foi fazer uma visita por lá)cozinha tudo com caldo, só que os dele levam horas no fogo. Que paciência!!! Quanto tempo levou esse seu? bjs

    Débora (Mon Macaron)

    Curtir

    • Katita disse:

      Débora, os fundos e caldos da cozinha profisisonal são muito mais elaborados e levam muito mais tempo reduzindo para apurar os sabores, mas em casa, na prática, não funciona assim. Apesar de não levar horas no fogo, posso te garantir que um caldo desses, pequeno, cozido por 30 minutos em fogo alto para reduzir + 15min com um pouco mais de água, atende perfeitamente as nossas necessidades domésticas. O meu deve ter levado entre 30 e 40 min, mas continuou no fogo baixo para manter a temperatura alta até a finalização da moqueca.
      Teu irmão estava naquela palestra, foi? Que ótimo!
      =)
      Beijo,
      K.

      Curtir

  • Fábio disse:

    Katita,
    Como vc arruma tempo para fazer uma gostosura todos os dias?
    Não entendi aquela foto de vc segurando um camarão e mostrando aquele “fiozinho” preto que ele tem, o que vc quis nos mostrar com aquela foto?

    Curtir

    • Katita disse:

      Fábio, para a primeira pergunta a resposta é: Sei lá! Não me faça pergunta difícil! =)
      Para a segunda a resposta é: aquilo ali são as tripas do camarão que ficam no seu dorso, e eu, pessoa louca, retiro um a um, mas só em casa para um número pequeno de pessoas. Para 100, por exemplo, é inviável. Mesmo em restaurantes conceituados é comum perceber essas linhas pretas nos camarões, o que me incomoda um pouco, mas não chega a ser problema.
      K.

      Curtir

  • Omeletegirl disse:

    oiê!!

    na contagem regressiva pra ir pra Recife-Brasil!!!!!!
    Quero uma panela de barro igual a sua!! :o)

    beijocas e ja anotei a receitinha-que-vai-ser-feita-no-Brasil :o)

    Curtir

  • Luciene disse:

    Moqueca… meu prato favorito! Vo Raimundo (baiano do bom), cozinhava muito e a moqueca era sempre acompanhada por feijao doce, arroz branco e caruru. Raizes sao raizes…Beijao.

    Curtir

  • Marisa disse:

    Katita minha amiga,

    Tomei uma surra do tal do picasa pra fazer uma colagem de fotos, me diga uma coisa, que programa que vc usa????Ai que ódio…Num gosto dessas modernagens que tomam um tempão do meu tempinho precioso.

    Deixa eu te falar que hoje eu fiz o melhor cookie de chocolate de toda a minha vida… É uma receita de um chefe chamado Marcus Samuelssopn.

    Acho que vou ter que colocar a receita em português pra não ser egoista e dividir as calorias!!!!Passa no meu blog depois, vou tentar traduzir já.

    Um beijo

    Curtir

    • Katita disse:

      Marisa, até onde eu sei o Picasa não faz edição neste nível, flor. Eu uso o Adobe Photoshop Elements 6.0.
      Sim, gata, traduz teus cookies luxo porque dividir o pão, no caso aqui o biscoito, é importante!
      =)
      Beijo de chocolate,
      K.

      Curtir

  • Lu Cupido disse:

    Katita,
    Receitinha maravilhosa… até fechei os olhos e senti o cheirinho delicioso.
    Essa aqui está indo para o meu “to do list”.
    Infelizmente não tenho uma panela de barro aqui, mas não vou me intimidar não… amo camarão e moqueca ainda.

    Beijinhos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Moqueca de camarão ao cubo no .

Meta

%d blogueiros gostam disto: