Pé de algodão

9 de março de 2011 § 39 Comentários

Colhi todo o algodão que pude antes de voltar para casa, com estoque para um ano inteiro de manutenção de unhas. Ítem a menos de consumo, graças ao quintal da mamãe.

Pé de algodão é assim: tira-se os gomos, depois as sementinhas que ficam dentro dos gomos (veja como Bento é craque), e foi!

Coisa linda pintar as unhas de “Cosmopolitan” debaixo da jaqueira, com algodão do pé. =)

§ 39 Respostas para Pé de algodão

  • roza disse:

    eu tenho pé de algodão, cajú, pitanga,amora, goiaba, sapoti,acerola, uruncum,e várias ervas medicinais, como gervaõ azul, dente de leão, sálvia, hortelão, menta, boldo, boldo do chile , confrei, cana do brejo, bardana, erva cidreira, capim limaõ, cânfora,losna, entre muitas outras.

    Curtir

  • simone disse:

    as sementes podem ser torradas em uma colher ,na chama do fogão e trituradas com as costas da mesma colher.é assim que se faz aqui em casa.
    bjus e fico feliz por dividir.
    dividindo se multiplica.

    Curtir

  • Joana Freire disse:

    Mas esse quintal é a bolsa da Mary Poppins, tem de tudo 😉

    Queria uma avó assim com esses mimos da natureza!

    Curtir

  • ana cristina disse:

    Nossa que lindo, nem sabia que era assim. Gostei!

    Curtir

  • Claudia_SE disse:

    Ai coisa linda…já colhí algodão….e urucum, e seriguela, muito caju e acerola, brincava debaixo dos pés de mangaba e saia pelos matos atrás de cambuí, ingá, brincava com a jurubeba que Deus me livre de botar na boca…affff. Crescí no meio do mato e das lagoas de Lagoa Redonda. Hoje tenho uma casa no Abaís onde fui passar o carnaval com as crianças para que tenham o prazer de ver de perto os bichinhos do mato, os saruês, os morcegos, as plantas crescendo, os bem-te-vís, dar de comer aos tambaquis dentro da lagoa, quase em nossas mãos, cada peixão que dá agonia. Lá tem balanço na mangabeira, sobem nos pés de cajueiro e se esfolam, no mínimo, 5 vezes por dia. Não tem joelho que aguente. Estão todos estrupiados, inclusive eu hehehe que é pra não perder o costume.
    VIVA A NATUREZA, vamos cuidar bem do nosso planeta pra que possamos mostrar isso aos nossos filhos e netos…..
    beijos

    Curtir

  • simone disse:

    vc vai torrar 27 sementes ,separar de 3 em 3 ,triturar e embrulhar (3 sementes por pacotinho de papel).
    vai colocar na comida tres dias seguidos , tres meses seguidos ,de preferencia nos mesmos dias (fica mais fácil de lembrar)ex:10,11,12 de março;10,11,12 de abril;
    10,11,12 de maio.(3 sementes por dia no total de 27 sementes).
    varias pessoas de minha familia e amigos tinham bronquite,usaram as sementes e nunca mais tiveram crises.
    essa receita foi passada ao meu tio por uma india já muito idosa, que dizia que não podia morrer sem passar isso pra alguem.
    quando vi as fotos lembrei ,pois nós tirávamos o algodão das sementes,pra fazer o remédio.
    bjus

    Curtir

    • Katita disse:

      Simone, minha mãe voltou comigo do interior para uns exames e tu não imagina o tamanho do olho que ela arregalou aqui, interessadíssima que é pelo assunto plantas que curam!
      Obrigada pela dica, arrasou. Salve a índia!
      Beijo,
      K.

      Curtir

    • Gabriel Jesus Taveira disse:

      Simone bom dia, estou em busca de ajudar meu Neto na cura de uma bronquite e vi seu comentáario com a receita do remedio com a semente de Algodão e ficou a duvida se é para descascar ou nao as sementes e se foi falado alguma coisa quanto a melhor lua dentro do mes para se dar este medicamento.
      Ja vi outras simpatias com quantidades maiores de semente mas fiquei preocupado por se tratar de uma criança de 3 anos.
      Agradeço desde já pela ajuda!
      Abs.

      Curtir

  • Tata disse:

    que chique e fofa!
    e que saudade do mato…

    Curtir

  • Nando Reis (Nanã) disse:

    “Aprontis” de carnaval essa colheita néam? Ao tocá-los, como numa mágica, viraram algodão doce. Estive em Trancoso com Linho, Bruce e Cia. Foi lindo, mas, por hora, de volta a Cuiabá. Bjs e até muito breve.

    Curtir

  • Diane Lorde disse:

    Lá na cada da minha avó também tem pé de algodão, é mesmo um luxo!

    Curtir

  • ISABEL disse:

    Katita, sem querer ser pidona, mas já sendo… Coloca aquele post, lá do Rainhas, que tem o quintal da casa da sua mãe, com a Lu, mostrando, para nós da cidade, as coisas boas que tem por aí. Esse quintal é tudo de bão gente. Adoro essa Rainha…

    Curtir

  • ISABEL disse:

    Mas é chic mesmo !! nesse quintal tem de um tudo, até algodão. Coisa linda de se ver, e Bento aproveita….

    Curtir

  • Livia Palma disse:

    Somos ou não previlegiadas? Temos mais é que agradeçer ao Divino, por tudo isso né?
    Vivo aqui de rancho porque gosto mesmo é do mato, beira de rio ah! vixe!!!
    Inté, minha fia, inté!
    Bjs!

    Curtir

  • Nana disse:

    Ai que delicia!!! Me fez lembrar das minhas ferias, quando eu tinha mais ou menos da idade do Bento, na casa da minha vo! Eu sonhava com o dia de ir para la, pois poderia subir em arvores, ficar grudadinha na minha vo, brincar de casinha com ela usando os temperos fresqueinhos do quintal, etc!

    Adorei!
    bjs

    Curtir

  • simone disse:

    a semente do algodão torrada serve pra melhorar e muito crises de bronquite.
    bjus

    Curtir

  • Fábio disse:

    Colher algodão, fiz isso demais quando criança, o quintal de casa era cheio, ha é, e o chá de folha de algodão é muito bom para os rins.

    Curtir

  • Joy_UK disse:

    Isso sim eh luxo!

    Curtir

  • Marisa disse:

    Katita,

    Nossa, vc me levou lá na minha infância quando eu ia pra Minas visitar meus avós paternos e minha prima me levava pra andar por ai e ver as coisas da Natureza (Porque vamos combinar, menina criada na Av. Paulista não conhecia pé de algodão, pé de romã, leite de latão que vinha na carroça…)

    Adorei seu post.

    Um beijo bem grande,
    Marisa

    Curtir

    • Katita disse:

      Marisa, que bom que mesmo tendosido um amenina criada na Paulista você teve a oportunidade de ter o contato com a natureza, de ter tido casa de vó e a agora poder terlembranças boas!!!!
      =)
      Beijo maior,
      K.

      Curtir

  • Mariane disse:

    Acho tão lindo pé de algodão 🙂

    Beijo

    Curtir

  • Ana Acquesta disse:

    Poxa que inveja das boas….que lindo!
    beijos

    Curtir

  • Luiza Sampaio disse:

    que coisa mais gostosa… ja imaginei seu algodao luxo, num super frasco de vidro reciclado com um lacinho todo fofo de arremate!
    hum… tô adorando esse pitéu, ja disse, ne?
    beijo macio,
    Luiza

    Curtir

    • Katita disse:

      Luiza, mas será possível que até os seus comentários são fofos, como se não bastassem as coisas feitas por estas lindas mãozinhas?
      =)
      Outro beijo macio, amiga!
      Doida para abraçar seu irmão.
      K.

      Curtir

  • Menina, a cada visita minha vista se torna mais límpida e aumenta um desejo antigo: ter uma casa com um quintal abastecido de coisas boas. 😉

    Hoje é dia de tédio, maleta de esmaltes (que não são poucos) e um bom café orgânico. Coisa que nunca pensei explodir tamanho sabor. Infelizmente, a coisa pesa no bolso… o que me leva a refletir que quanto mais próximo do natural mais caro.. porque?

    Beijo de uma sarinha vivendo uma quarta com cara de domingo.

    Curtir

  • Fernanda disse:

    Melhor que isso só dois disso né!! rs
    Que tudo, ter um pé de algodão no quintal da mãe!! 🙂
    Bj grande
    Fe

    Curtir

  • vera lucia melfi disse:

    Trés chic!! Madame.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Pé de algodão no .

Meta

%d blogueiros gostam disto: